Estimulação Cognitiva na 3ª Idade

Frequentemente quando pensamos em bem-estar, hábitos saudáveis e qualidade de vida, concentramo-nos sobretudo no corpo. Embora esta seja também uma parte muito importante, é essencial prestar atenção à saúde mental. Estimular a atividade mental através de exercícios específicos é essencial para reforçar e manter a função cerebral na sua globalidade.

Todas as atividades são úteis para estimular e manter as funções que se degradam com a idade, tais como memória, organização de ideias, capacidade de abstração, e a criação de algo novo. Ir-se-á exercitar também funções como a atenção, a linguagem e a perceção.


É muito importante incentivar a estimulação cognitiva dos idosos no dia-a-dia, isto pode ser feito pelo cuidador, pela família do idoso, etc, através de variadas atividades:


Relembrar: perguntas sobre a infância e a adolescência; identificar cores, partes do corpo, datas; fazer sequências de imagens, números ou letras e repeti-las; olhar para fotos antigas;


Jogar: ao mesmo tempo que se entretém e diverte, o idoso está a contribuir para o bom funcionamento da sua saúde mental; os jogos podem consistir em puzzles, dominó, sudoku, quebra-cabeças, xadrez, palavras cruzadas. etc.


Exercício Físico: praticar exercício aumenta o nível de oxigenação do cérebro, o que também é ótimo para o bom funcionamento do sistema cognitivo.


Dica: Simples atividades como ler e ouvir música também são excelentes atividades para trabalhar a atividade cognitiva!


O importante é nunca deixar de exercitar quer a mente, quer o corpo, de forma a conseguir atingir longevidade e qualidade de vida!


13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo